indústria 4.0

Indústria 4.0: quais são suas vantagens para os segmentos produtivos?

Powered by Rock Convert

A tecnologia é uma aliada importante dos mais diferentes setores. A transformação digital, em conjunto com a convergência tecnológica, por exemplo, significou uma mudança considerável para inúmeras áreas: comércio, medicina, saúde, bem-estar, educação e, também, para o setor industrial.

A partir disso, surgiu o conceito de Indústria 4.0, cada vez mais falado e implementado nos negócios dessa área. Você já ouviu falar no tema? Se ele ainda é novidade, entenda os benefícios relacionados à adoção dessa verdadeira revolução no ramo. Aproveite e tire suas dúvidas a respeito do assunto. Siga conosco no post e faça boa leitura!

O que é a Indústria 4.0?

A Indústria 4.0 é um termo que não para de ganhar evidência no mundo atual. Trata-se, basicamente, de outro nome para o conceito de “Quarta Revolução Industrial”, mostrando de que modo a sociedade entra, passo a passo, em uma nova era na indústria.

Nessa fase, ingressamos nos tempos da adoção da automação de tarefas e da inserção das tecnologias digitais no ambiente industrial. Portanto, algumas ferramentas modernas são aplicadas, tais como:

  • Internet das Coisas (Internet of Things – IoT);
  • Machine Learning e Deep Learning;
  • algoritmos preditivos;
  • sistemas de gestão de processos;
  • sistemas ERP (Enterprise Resource Planning);
  • ciência de dados;
  • automação de processos internos, entre outros.

A revolução ocorre desde cerca de 2011, angariando cada vez mais força nesses ambientes, sobretudo por resultar em uma série de vantagens facilmente mensuradas por tecnologias de gestão industrial.

Quais são os benefícios da Indústria 4.0?

A chegada da Indústria 4.0 propicia uma série de mudanças importantes para o setor industrial, trazendo muitos benefícios. Abordamos eles na sequência. Confira.

Aumento da produtividade

Um dos primeiros e mais importantes aspectos a considerar na adoção da Indústria 4.0 em seu negócio é o aumento da produtividade nas atividades industriais. Isso ocorre, em especial, por conta da automação de processos, o que garante um claro acréscimo de agilidade na execução de tarefas, reduzindo o índice de erros.

Assim seus colaboradores, antes destinados a essas funções, podem ser deslocados para outras áreas. Como consequência, tornam-se responsáveis por questões mais analíticas enquanto os sistemas realizam, de forma autônoma, atividades de caráter técnico.

Ganho de eficiência

Como existe uma série de tarefas cumpridas por meio de automação de processos, é possível observar um aumento da eficiência. Porém, não é só isso que determina o sucesso da atividade industrial com o uso dessa metodologia.

De quebra, os recursos são utilizados com maior inteligência, por meio da utilização da ciência de dados e de uma cultura Data Driven. Assim, além da agilidade, diminui-se as falhas existentes nessas operações.

Redução dos custos de produção

Com as tecnologias implementadas, principalmente a partir da adoção da Internet das Coisas (IoT), é possível identificar quando uma máquina começa a apresentar redução de produtividade. Então, permite-se a minimização dos impactos financeiros sobre a produção, mantendo as operações sempre no índice máximo de eficiência.

Cai, portanto, o impacto sobre paradas geradas por máquinas com defeitos, notando redução na capacidade produtiva e na perda de insumos. O resultado é uma maior eficácia aliada a um menor custo, diminuindo os gastos produtivos.

Continuidade dos negócios na manufatura avançada

O conceito de manufatura avançada antecede a inserção da Indústria 4.0. Ela é baseada em alguns princípios que também perpassam essa revolução, tais como:

  • inovação;
  • estratégias de produção focadas no digital;
  • redução de custos;
  • geração de cadeias de valor, entre outros.

De certa forma, a manufatura avançada foi a responsável por trazer a transformação digital ao ambiente industrial, abrindo as portas para a inserção da Indústria 4.0. Essa última dá continuidade aos esforços da primeira, desempenhando um papel fundamental nas organizações da área.

Visão holística da indústria

Outro ponto importante é a percepção holística e integrada da Indústria 4.0. Por meio dela, é possível compreender o monitoramento da empresa como todo, analisando de que modo cada parte está interligada às demais.

Isso garante não só uma otimização real do negócio em geral, mas também maior conhecimento a respeito da indústria. Observando a cadeia produtiva, encontra-se gargalos mais facilmente solucionáveis, para minimizar as chances de problemas e assegurar ganhos de fluidez nas atividades.

Qual é o papel da tecnologia na Indústria 4.0?

A Indústria 4.0 nasce justamente da adesão da tecnologia no setor industrial. Portanto, ela cumpre uma função de centralidade nos processos desse ramo.

Quer ver um exemplo? Dentro das plantas industriais, a Internet das Coisas atua tomando um papel fundamental. Ela pode, por exemplo, realizar o processo de conexão dos maquinários à sistemas de gestão, através de sensores embutidos nos equipamentos.

Com isso, um software específico recebe informações constantes sobre a eficiência das máquinas. Assim, passa a ser capaz de avaliar a produtividade de cada uma delas, sem falar nos índices de desperdício de materiais, do tempo levado para a produção dos itens e uma série de outros pontos.

Fica mais fácil, então, de levantar determinadas questões: o processo produtivo precisa de fato seguir esses passos? Ou é possível realizar as mesmas ações com menos etapas, de forma ágil e reduzindo desperdícios, além de outros pontos?

De quebra, a empresa consegue fazer ajustes para automações de processos, mantendo as máquinas ligadas apenas durante o uso. O resultado tende a apresentar economia de custos com energia elétrica, bem como relacionados a água, por exemplo, no caso de necessidade de resfriamento dos aparelhos.

Esses ajustes podem ser feitos por meio de dispositivos eletrônicos, e o melhor, em qualquer lugar. Ou seja, um gestor ausente na planta industrial no momento consegue cumprir as alterações necessárias onde quer que esteja: basta uma conexão à rede.

Portanto, uma boa conexão de internet, aliada a um planejamento impecável de adoção das tecnologias necessárias para a adesão da Indústria 4.0, é vital. Você assegura eficácia real no dia a dia com o investimento necessário, reduzindo problemas. Então não deixe de levar isso em consideração e leve a sua empresa ao patamar mais moderno da indústria!

Gostou do conteúdo? Então aproveite a visita ao blog, assine nossa newsletter e receba outros materiais imperdíveis diretamente na sua caixa de e-mails!

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Receba conteúdos exclusivos da Aloo no seu e-mail!

Cadastre seu e-mail para receber nossos conteúdos exclusivamente.

Email registrado com sucesso

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.